body Você faz suas metas no papel ou na cabeça? | Suzana Dias Personal Organizer

Você faz suas metas no papel ou na cabeça?

lista-de-desejos-anotando-ideias

 

Eu sou colunista do blog Entreciclos e na primeira semana de Janeiro de 2016 postei o seguinte texto:

 


 

Começo de ano é sempre a mesma coisa: listamos mentalmente ou nas conversas com amigos tudo que queremos para o novo ano. Só que chega dezembro e nos frustramos porque não conseguimos alcançar algumas metas, e outras tantas até esquecemos quais eram.

Sabe por que isso acontece?

Porque não colocamos no papel. Não colocamos para fora da nossa mente.

Parece engraçado isso e eu mesma achava bobeira até ler em vários artigos de profissionais que eu considero e colocar em prática.

Não acreditava na “mágica” de só colocar no papel e esperar acontecer. Mas não é tão simples assim. É que ao escrever assumimos uma espécie de contrato com nós mesmos. Ao colocar uma meta no papel e desmembrá-la em tarefas vemos o que precisa ser feito. Ao concluir cada tarefa temos o incrível prazer de missão cumprida e vemos nossa meta cada vez mais perto. E tendo por escrito fica mais fácil fazer o acompanhamento da sua evolução.

Por exemplo, nada adianta falar “quero perder peso”. Parece mais simples, porém mais difícil de alcançar pois é muito abrangente. Mas se desmembrar em “quero perder X quilos fazendo academia X vezes por semana e aliando reeducação alimentar” fica mais objetivo. A partir daí você vai para as tarefas: visitar academias e modalidades de atividade, marcar uma nutricionista, ver roupa de ginástica. Escolhido isso, as atividades vão para sua agenda. Parece mais complicado de fazer, porém mais fácil de realizar já que a meta maior foi desmembrada em pequenas tarefas.

Mas não é porque achou um método diferente de planejamento que pode colocar mil metas e achar que vai conseguir executar todas. Escrever não é milagre, é um método de planejamento de ações.

 

  • Escolha apenas 3 ou 4 grandes metas e outras que sejam mais alcançáveis: Você é uma só! Se você tem um monte de coisas na sua lista, pode correr o risco de não fazer nada e ainda se sentir estafado só de olhar! Não seja tão otimista achando que vai ser um atleta de uma hora para outra, e não seja tão pessimista ao achar que não vai dar conta ao ponto de nem começar.

Para auxiliar, segue uma tabela para que coloque no papel as suas resoluções de ano novo.

 

smart-ec

 


 

Agora estamos no final de 2016…

E você, conseguiu atingir as suas metas?

Não? O que acha que poderia ter feito diferente?

Para te ajudar a fazer metas mais assertivas e fazer de 2017 o melhor ano da sua vida, indico o workshop gratuito do meu mentor em produtividade Christian Barbosa.

Acesse, é gratuito e online: https://go.hotmart.com/N5164696M?ap=2b87

Salvar

Salvar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>